Como investir em uma pequena empresa sem experiência ?

Existem dois momentos críticos na vida de um empresário e que exigem uma decisão objetiva e certeira: A primeira, grande divisora de águas, é aquela responsável pela efetiva criação, abertura, da empresa e a segunda, sem dúvida alguma, é a que motiva o seu crescimento e expansão. Qualquer empreendimento que é inaugurado tem, em suas raízes, o desejo de crescer afinal, todo empresário é, também, empreendedor e, sendo assim, busca sempre por novas oportunidades no mercado, instigando a expansão de seu negócio próprio. 

Atualmente tem se observado um crescente interesse, por parte dos pequenos empresários, em investir em suas empresas e, sabendo-se que grande parte deles não possuem conhecimento aprofundado nas áreas de administração ou economia, essenciais em vários processos de expansão, separamos algumas informações importantíssimas que auxiliarão nesta importante decisão para investir em uma pequena empresa sem experiência:

 

Investir ou não?

Uma das principais decisões a serem tomadas frente a qualquer tipo de negócio baseia-se na questão “Investir ou não”. É neste momento que muitas dúvidas surgem e, para fugir delas, a grande dica é ter calma, sentar e fazer uma boa avaliação que envolva o passado, o presente e as ambições futuras da empresa.

A realidade mercadológica brasileira associa o investimento, feito para garantir a expansão de empresas e negócios, diretamente aos programas de financiamento que são oferecidos pelo governo ou pelos bancos privados.

Qualquer financiamento possui uma taxa de contratação e juros que fazem com que o valor a ser pago seja bem maior do que aquele que foi emprestado, sendo prática esta comum e de conhecimento geral. E é justamente devido a isto que muitos empreendedores tiram os pés do acelerador na hora de financiar!

 

Financiamento: Minha empresa precisa?

O financiamento é um recurso muito utilizado e que gera bons frutos se contratado com sabedoria. Aconselha-se que as empresas tomem esta decisão baseadas em seu plano de negócios, que devem estar sempre atualizados e com objetivo claro e preciso. Separamos algumas perguntas que você deve se fazer durante o processo de reflexão sobre investir ou não em uma pequena empresa. Confira:

 

Por que eu preciso financiar?

Uma empresa estruturada sabe aonde quer chegar! Para tanto, sabe quais recursos deverá utilizar para isto. Se o empresário possui um projeto que já foi desenvolvido e analisado, tendo angariado pontos positivos para o negócio, porém não possui o recurso financeiro necessário para tal incremento, surge um bom motivo para financiar.

Faça uma averiguação: Delimite os planos da empresa para os próximos 2, 5 e 10 anos. Pense em que patamar o negócio estará e calcule quanto realmente falta para chegar lá. É possível encontrar justificativas para a contratação do financiamento neste exercício rápido, assim como evidências de que é melhor esperar mais um pouco.

 

Qual será o valor necessário?

Jamais contrate um financiamento sem saber, ao certo, o valor que você irá investir na empresa, pois, além de correr o risco de pegar uma quantia maior ou menor do que a necessária, há todos os encargos que lhe serão cobrados posteriormente. Antes de se dirigir as agências que oferecem estes serviços, descreva cada montante a ser usado no projeto. E atenção: Não se esqueça de nada! Faça todo o estudo sem pressa.

 

Com que dinheiro devo pagar o empréstimo?

Planeje o financeiro da empresa, afinal, se algo der errado, será necessário que seu caixa arque com as parcelas do compromisso assumido com o banco. É importante que o empresário busque, sempre, encaixar a parcela do financiamento dentro das despesas que são pagas pelos serviços prestados pelo negócio. O que vier, posteriormente, fruto da expansão da empresa, será um bom lucro, servindo para amortizar o saldo devedor. 

Gostou das dicas para investir em sua empresa sem experiência? leia também 6 negócios para investir!

 

Deixe seu comentário
      Deixe uma Comentário

      Clientes satisfeitos

      GestãoClick
      Logo