MEI: como emitir nota fiscal de serviços?

O Microempreendedor Individual (MEI) conta com o regime tributário simplificado do Simples Nacional, o qual apresenta uma série de benefícios para profissionais, especialmente autônomos, que desejam se formalizar e passar maior seriedade e profissionalismo para seus clientes, sejam pessoas físicas ou jurídicas.

Entretanto, quando recebe pagamentos de pessoas jurídicas, o MEI tem a obrigação de emitir a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) para formalizar a prestação de serviços e se manter em conformidade com a legislação vigente.

Falando nisso, já que você vai iniciar o processo de emissão de notas fiscais no seu negócio, Saiba aqui → MEI Precisa de Contador?

Mas, como emitir nota fiscal de prestação de serviços MEI? Para saber, é só continuar acompanhando!

  1. Como emitir NFS-e sendo Microempreendedor Individual (MEI)?
  2. O que devemos saber sobre a nota fiscal para prestação de serviços?
  3. Como emitir NFS-e no GestãoClick?
  4. Como fazer ordens de serviço?

1. Como emitir NFS-e sendo Microempreendedor Individual (MEI)?

Antes, todo o processo era feito manualmente e o empresário precisava preencher as notas uma por uma. Como você pode imaginar, era uma tarefa sujeita a erros e que demandava muito tempo.

Hoje em dia, com a evolução da tecnologia, com a implementação do sistema de notas fiscais eletrônicas e com a possibilidade de se formalizar como MEI, todo o processo se tornou simplificado.

É possível emitir notas fiscais por meio do site da prefeitura e de sistemas de gestão empresarial que funcionam como emissores — nesse último caso, o MEI deve ter um Certificado Digital para realizar a emissão.

Se você ainda não possui um certificado digital, saiba mais →  como escolher o certificado digital ideal .

2. O que devemos saber sobre a nota fiscal para prestação de serviços?

Diferente da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) emitida para registrar a venda de produtos, a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) é emitida para registrar a prestação de serviços.

Conforme já mencionado, o MEI é isento da emissão de notas quando prestar serviços para pessoas físicas, mas é obrigado a emitir a NFS-e sempre que realizar determinada atividade para uma pessoa jurídica, ou seja, para uma empresa.

A principal diferença entre as notas mencionadas acima se relaciona ao órgão responsável por emiti-las, cadastrá-las e validá-las: no caso da NFS-e, o órgão é municipal, enquanto no caso da NF-e, a responsabilidade é da SEFAZ do estado.

Por isso, a emissão da nota fiscal de serviço (NFS-e) é diferente em cada cidade, mas no geral a prefeitura disponibiliza um local no próprio site para que o usuário se cadastre, faça o login e emita as notas fiscais.

E atenção: não é obrigatório que o microempreendedor tenha um Certificado Digital, mas dependendo das legislações municipal e estadual ele pode ser exigido.

Outro fator relevante ao MEI é sair do vermelho depois da crise do coronavírus. Por isso, aproveite a Black Friday 2021 do GestãoClick. Uma oportunidade para investir em sua empresa e faturar em 2021.

3. Como emitir NFS-e no GestãoClick?

Aqui, abordamos o passo a passo para você ver como é simples emitir nota fiscal de prestação de serviços com o sistema do GestãoClick. Confira:

1 – Acesse o sistema e verifique se os dados da empresa estão devidamente preenchidos e atualizados (Configurações à Dados da empresa);

2 – Insira seu Certificado Digital no sistema (Configurações à Certificado digital à Selecionar certificado);

3 – Se você já realizou a emissão de NFS-e anteriormente, insira o último número de RPS no programa (Configurações à Gerais à Fiscal); caso seja a primeira emissão, insira o número “0” no campo do RPS e clique em “Atualizar”;

4 – Antes de emitir a NFS-e, adicione um serviço à lista de serviços prestados (Serviços à Gerenciar serviços à Adicionar serviço) e, depois, registre a venda dele (Vendas à Serviços à Adicionar venda);

5 – Agora, vá para o campo “Ações”, clique no ícone verde, selecione a opção “Emitir nota de serviço”, verifique se todos os dados estão corretos, preencha os demais campos e clique em “Cadastrar”;

6 – Por fim, envie a nota fiscal de serviços para a prefeitura clicando no ícone verde do campo “Ações” e selecionando a opção “Enviar NFS-e”. Pronto!

Saiba mais sobre o processo de emissão em nosso vídeo → Como emitir nota fiscal de serviço eletrônica  com o GestãoClick
Assim, para atuar dentro da lei e continuar contando com as vantagens do Simples Nacional, o MEI deve emitir nota fiscal de prestação de serviços sempre que o pagamento vier de uma pessoa jurídica.

Apesar de contar com processos mais enxutos, você, microempreendedor individual, também deve dar a devida atenção à gestão do negócio. Para isso, conte com o sistema ERP do GestãoClick, o qual oferece módulos completos e planos que cabem no seu bolso!

E quando se trata de emitir NFS-e, também oferecemos a solução ideal para você. Facilite a emissão de nota fiscal de serviço hoje mesmo!


Sistema ERP Online

Deixe seu comentário
Deixe uma Comentário

Quer se tornar um parceiro da GestãoClick?

Ganhe comissões recorrentes sobre as indicações
GestãoClick
Logo