SaaS (Software como Serviço): tudo o que você precisa saber


SaaS Software como Serviço
Você, provavelmente, já utilizou muitas formas de SaaS. Duvida? Netflix, Spotify, Dropbox, sistema ERP e PayPal: essas soluções são baseadas nesse modelo!
Para utilizar tais serviços, não é preciso instalar programas e usar o espaço do disco rígido do computador, pois o acesso costuma ser muito simples, sendo necessário apenas o uso de um dispositivo (móvel ou não) e uma conexão com a internet.

Por esse e por outros motivos, essa tecnologia se mostra cada vez mais promissora.
Pensando nisso, reunimos neste artigo as principais informações sobre o SaaS (Software como Serviço) para que você entenda os benefícios dessa solução. Saiba mais a seguir!
 

O que é e como funciona um SaaS? 

 
A sigla SaaS equivale a Software as a Service, o que conhecemos como Software como Serviço. Em suma, esse conceito abrange uma solução tecnológica baseada em cloud computing.
Em outras palavras, é uma tecnologia baseada em nuvem que funciona por meio da internet. Os programas/aplicativos já vêm prontos para o uso e, dependendo das necessidades do negócio, podem ter outros recursos adicionados ao longo do tempo.
Geralmente, os valores pagos dependem de planos ou assinaturas mensais, e responsabilidades como upgrade, backup e manutenção ficam a cargo do provedor. Empresas que têm muitos gastos com o setor de TI, por exemplo, podem reduzi-los significativamente ao aderir ao modelo SaaS
Além disso, por otimizar processos, não depender de uma infraestrutura cara e nem de um orçamento alto para TI, o uso de um software como serviço também resulta na redução do CAC (Custo de Aquisição por Cliente).
 

Quais empresas estão baseadas no modelo de software como serviço?

 
Soluções SaaS já estão disponíveis em diversos segmentos: seja para streaming de vídeos (Netflix) e de músicas (Spotify), pagamentos online (PayPal) ou gestão empresarial (sistema ERP), o modelo de software como serviço já está sendo utilizado com sucesso no mercado.
Agora, vamos ver mais alguns exemplos de empresas ou de serviços que têm utilizado o SaaS?
- Salesforce: um dos softwares de CRM (para gestão do relacionamento com os clientes) mais conhecidos;
- GestãoClick: sistema ERP desenvolvido para aprimorar a gestão de pequenas e médias empresas por meio de módulos completos;
- Gmail: serviço de e-mail do Google, é um dos mais utilizados atualmente em todo o mundo;
- VTEX: multinacional desenvolvedora de uma plataforma de e-commerce reconhecida mundialmente, com clientes como Walmart, Lego, Sony, Ambev e Nespresso.
 

Quais são as vantagens do SaaS? 

No primeiro tópico vimos vantagens muito atrativas desse sistema. Agora, confira outros benefícios provenientes de um software como serviço:
- segurança de dados;
- redução ou eliminação de custos;
- integração e implementação simplificadas;
- mobilidade e flexibilidade;
- escalabilidade;
- possibilidade de personalização;
- previsibilidade de custos.
 
Vamos analisar algumas dessas vantagens separadamente?
 

1. Redução de custos e implementação simplificada

O modelo SaaS permite que o usuário usufrua de todas as funcionalidades de um determinado serviço sem altos custos relacionados à licença, manutenção e taxas; também não é preciso fazer downloads ou instalações. Geralmente, como o software já está configurado, as equipes das empresas conseguem usá-lo de imediato, facilitando todo o processo de implementação.
 

2. Mobilidade e flexibilidade

Esses são benefícios do SaaS especialmente atrativos para empresas que desejam implementar o modelo de trabalho home-office, já que programas e aplicativos podem ser facilmente acessados de onde você estiver, a qualquer momento — os únicos requisitos são: utilizar um computador ou um dispositivo móvel e ter acesso à internet.
 

3. Possibilidade de personalização

Sistemas SaaS são conhecidos pela flexibilidade e pela integração simplificada, pois podem ser moldados e personalizados de acordo com as necessidades do negócio.
 

4. Segurança de dados

Por estarem baseados na computação em nuvem, sistema que já oferece camadas de segurança e criptografia para os usuários, os SaaS se mostram como opções seguras. Além disso, atualizações constantes por parte do provedor (com correções e melhorias) auxiliam a proteção de dados.
 
Percebemos que a transformação digital tem facilitado o dia a dia de pequenas e médias empresas, não é? Como vimos, o software como serviço certamente faz parte do grupo de ferramentas tecnológicas que aprimoram os processos de PMEs.
 
Acredite, a tecnologia pode ser um diferencial competitivo no seu negócio por inúmeros motivos. Clique para ler mais!


COMENTE

Deixe o seu comentário nos campos abaixo: