Sua empresa está preparada para a Black Friday?


Sua empresa está preparada para a Black Friday?
Em 2017, a Black Friday vai acontecer no dia 24 de novembro, uma sexta-feira, como de costume. Essa data, nos últimos anos, tem aquecido muito o comércio varejista, trazendo uma série de vantagens para os empresários e consumidores. Mas a sua empresa está preparada para Black Friday?
 
Para saber por que se preparar, como se organizar e obter dicas para faturar mais nessa data, você vai conferir neste artigo os seguintes tópicos:
 
Porque vale a pena se preparar para a Black Friday
Como se organizar para a Black Friday
Dicas para se estar pronto para a Black Friday
Como evitar os problemas mais comuns da Black Friday
 

Por que vale a pena se preparar para a Black Friday?

 
A Black friday é uma tradição já consolidada no mercado norte-americano. Celebrada sempre na quarta sexta-feira do mês de novembro, logo após o tradicional feriado de Ação de Graças, a Black Friday marca o início da temporada de compras para o Natal.
 
E que início! As empresas que se preparam já saem na frente nas vendas de fim de ano: é a oportunidade ideal para movimentar seus estoques, abrindo espaço para as novidades de Natal e Ano Novo, e uma oportunidade única para se projetar no mercado, conquistando novos leads e clientes.
 
Se você ainda não está convencido de que a Black Friday é uma data muito vantajosa para o comércio, inclusive, o online, basta conferir os números. Todos os anos, os levantamentos realizados após esse dia mostram o crescimento das vendas, em diferentes nichos do comércio.
 
No Brasil, a Black Friday já está se consolidando no calendário de consumo da população. Não é à toa que a data vem registrando um crescimento maior a cada ano no número de lojas participantes e no volume de vendas gerado. E isso tanto para lojas virtuais como para as lojas físicas que também estão, aos poucos, aderindo à Black Friday e aumentando seu faturamento.
 
Um levantamento realizado pela consultoria Ebit na última edição da Black Friday, em 2016, revelou um aumento de cerca de 17% no volume de vendas em relação ao ano anterior, 2015. Só o varejo online movimentou quase R$2 bilhões de reais! E o tíquete médio por cliente girou em torno de R$650, um crescimento de quase 13% em relação à edição anterior da Black Friday.
 
Para a edição deste ano, 2017, a expectativa é que a Black Friday traga um crescimento no faturamento da ordem de 20%. Isso equivale a uma movimentação de R$2,28 bilhões em compras! Logo se percebe uma tendência: os brasileiros estão de fato privilegiando essa data para realizar as compras de fim de ano. Os seus consumidores estão abertos a consumir mais nessa data, aproveitando os descontos e se programando especialmente para ela. A sua empresa não vai querer decepcioná-los, não é mesmo?
 
Uma série de fatores contribuem para fazer com que a participação da sua empresa na Black Friday tenha tudo para ser um sucesso. Para começar, existe uma série de fatores que favorecem a maior conversão de vendas nesta data, como o próprio período natalino, os descontos chamativos, a publicidade quase espontânea da data e, é claro, o maior volume de capital circulando no mercado, visto que uma boa parte de seus consumidores recebe neste mesmo período a primeira parcela do 13º salário.
 
Mas o potencial da Black Friday para projetar a sua empresa no mercado vai muito além! Afinal, a Black Friday não se trata apenas de oferecer descontos especiais para impulsionar as vendas em uma data específica: ela é, antes de mais nada, uma oportunidade para atrair novos clientes potenciais para a sua empresa, estreitar os laços com os seus consumidores habituais e se preparar melhor para uma das épocas de maior movimento do mercado, as festa de fim de ano. A sua concorrência certamente já está se preparando. E a sua empresa, vai ficar de fora?
 

Como se organizar para a Black Friday?

 
Agora que você se convenceu que essa data não pode faltar no calendário de atividades do seu negócio, chega a hora de se preparar para a Black Friday. O primeiro passo é investir na divulgação! Garanta que seus clientes saibam que a sua loja está reservando algo de muito especial para eles nessa data. Isso pode ser feito com uma página especial no site da sua loja, por meio de e-mail marketing, postagens nas redes sociais e vitrine especial em sua loja física.
 
Essa divulgação prévia é fundamental para que as pessoas saibam que o seu comércio vai oferecer descontos na data e os seus consumidores possam se organizar para incluir a sua loja no itinerário deles. Afinal, muitos deles esperam todo o ano por esse dia e se planejam para aproveitar o maior número possível de promoções.
 
Feita a divulgação, é hora de preparar a sua loja para receber e atender um número maior de vendas. Por isso, é fundamental conferir como está o seu estoque, para não correr o risco de faltar os produtos anunciados. Nesse sentido, uma dica é colocar em oferta aqueles itens que estão parados para você queimar o estoque e liberar espaço para as novidades da próxima estação.

                                                                   back friday planilha de controle de estoque 

Fique atento aos preços praticados pela sua empresa: não é porque a sua loja vai receber um número maior de possíveis consumidores que é saudável trabalhar com uma margem de lucro muito abaixo da média. Negocie com seus fornecedores para garantir que o aumento das vendas na Black Friday seja realmente lucrativo para a sua loja.
 
Considere ainda ir além do tradicional: descontos são atrativos, mas vantagens são um diferencial. Promoções do tipo “leve 3 por 2,” garantia estendida gratuita, degustações e programações diferenciadas na loja física no próprio dia do evento garantem a animação da sua equipe e são definitivamente um atrativo ao seu cliente potencial.
 
Defina e divulgue de forma transparente os descontos que serão praticados, bem como a política de troca de mercadorias que será seguida pela sua empresa. Evitar mal entendidos em uma data que gera tanta expectativa no seu consumidor é essencial para a manutenção de um bom relacionamento no longo prazo.
 
Se a sua empresa opera online, vale a pena garantir que o seu servidor está operando perfeitamente e que está preparado para um maior número de acessos. Na data o tráfego no seu site pode triplicar ou mais.
 
 

Dicas para se estar pronto para a Black Friday

 black friday

Os lojistas que desejam participar da Black Friday devem fazer um estudo bem apurado para avaliar quais são os produtos que mais vale a pena colocar em promoção, bem como levantar a quantidade de cada artigo. Afinal, se você anunciar um produto que já não tem mais em estoque pode perder a venda e ter muita dor de cabeça.
 
Para planejar a presença no Black Friday, portanto, é preciso contar com ferramentas que ajudem a fazer o inventário do seu estoque. Se você tiver dados completos sobre o histórico de vendas dos últimos meses pode ainda avaliar de maneira mais assertiva os artigos que são mais vantajosos para dar os maiores descontos.
 
Tudo isso pode ser feito com um sistema de gestão empresarial que controla e acompanha todas as movimentações do seu negócio. O GestãoClick é um sistema ERP online que possui essas funções, além de oferecer relatórios gerenciais que compilam os dados inseridos no sistema, tornando o seu processo de tomada de decisões muito mais ágil e eficiente. Assim, você estará totalmente preparado para encarar a Black Friday.
 
Outra vantagem do GestãoClick é que se trata de um software ERP online. Isso significa que as informações da sua empresa serão armazenadas na nuvem, permitindo o seu acesso remoto, independente do local onde você estiver e do horário. É muito mais agilidade para a sua gestão!
 
O armazenamento em nuvem oferece ainda uma segurança adicional para os dados da sua empresa: afinal, eles serão mantidos em servidores especialmente protegidos e preparados para recebê-los, contando com segurança de firewall, criptografia SSL de dados, política interna de backup e proteção contra interrupção de acesso. Os dados armazenados são mantidos em sigilo e é você quem controla quais as pessoas autorizadas a acessá-los através do sistema GestãoClick.
 

Como evitar os problemas mais comuns da Black Friday?

 
Um evento do porte da Black Friday muitas vezes encontra os empresários mal preparados e, justamente por isso, é normal que haja reclamações de clientes na mídia após o evento. Para o lojista, esse tipo de repercussão negativa é um prejuízo muito grande à imagem da sua marca.
 
Com a consolidação da Black Friday no calendário do varejo, as lojas tem se preparado para atender melhor os clientes. O próprio levantamento do Ebit indica uma queda de 60% no registro de reclamações por parte de consumidores na última edição do evento. Isso indica que a sua concorrência está se preparando para atender melhor e converter um volume maior de vendas.
 
Por isso mesmo, a sua empresa precisa estar preparada para não fazer feio nesta Black Friday. Para te ajudar a evitar os erros mais comum, preparamos uma lista com as quatro reclamações mais frequentes de consumidores após a Black Friday e dicas de como a sua empresa pode se preparar para não cair nessas armadilhas:
 

1-Propaganda enganosa:


Essa é a campeã de reclamações. Muitos clientes se queixam de chegar às lojas no dia da Black Friday e não encontrar aquilo que foi anunciado. Para evitar esse tipo de problema, trabalha com transparência. Divulgue com alguma antecedência os descontos que serão praticados pela sua equipe, de forma clara. Lembre-se que vale muito mais estabelecer uma relação boa com o cliente, e fidelizá-lo no longo prazo, do que obter lucro em uma única venda e perdê-lo. Compra de experiência é a chave para entender o novo padrão de consumo do seu cliente e, se a sua loja se queimar em um evento desses, será difícil reverter a situação.
 

2-Divergência entre valores anunciados e praticados:


Trata-se muito mais de um erro de organização do que qualquer outra coisa. Por isso, antes da Black Friday, passe um pente fino na sua empresa: garanta que os valores anunciados na sua página e nas suas prateleiras estão alinhados àquilo que você estabeleceu. Faça um treinamento com a sua equipe de vendas, para que ela esteja preparada para lidar com as situações que possam aparecer ao longo do dia e esteja presente na Black Friday.

Leia também: Como motivar a equipe de vendas?
 

3-Problemas na finalização da compra:


O volume de movimento esperado pode chegar a até três vezes o habitual. Por isso, é preciso garantir que a sua empresa conseguirá conduzir a venda até o final, o pagamento. Trabalhar com múltiplas formas de pagamento, assegurar a estabilidade dos seus servidores e buscar soluções que garantam a estabilidade para o recebimento em cartão são medidas básicas para evitar desgastes com o consumidor na reta final do processo de vendas.
 

4-Produtos indisponíveis:


Para o consumidor, nada mais frustrante do que se preparar para essa data e, ao chegar à loja - física ou virtual -, não encontrar o produto desejado. Para evitar esse desencantamento do seu cliente, invista em planejamento. Acompanhe as tendências atuais de compra do seu consumidor-alvo, os padrões de vendas dos últimos meses e do mesmo período do ano anterior. Adeque os seus estoques de acordo com esse levantamento, negociando com seus fornecedores para garantir a disponibilidade do produto na Black Friday. Vale atenção também aos prazos de entrega que serão repassados ao consumidor. Se necessário, não tenha medo de trocar de fornecedor.
 
  

Então, gostou do post? Aproveite para compartilhar e assinar a nossa newsletter ficando sempre por dentro das principais novidades do nosso blog!
 


COMENTE

Deixe o seu comentário nos campos abaixo: