6 dicas para lidar com frete e prazo em seu e-commerce

As vendas pela internet são muito práticas, tanto para os lojistas quanto para os clientes. Entretanto, algumas vezes, fatores como frete e prazo podem se tornar uma dor de cabeça para os dois lados.

Apenas para termos uma ideia, o frete é motivo de abandono do carrinho de compras por 60% das pessoas ouvidas em um estudo da empresa Moosend. Por isso, é tão importante preparar seu e-commerce nesse aspecto.

Para evitar que esse seja o caso da sua loja virtual, apresentamos 5 dicas sobre como lidar com sua gestão de operações e logística. Assim, você garante a satisfação dos clientes e, consequentemente, aumenta as vendas em seu negócio. Vamos lá?

1. Ofereça mais de uma opção com frete e prazo diferentes

Para muitos lojistas, meio de envio é sinônimo de Correios. É claro que a estatal é uma ótima opção a ser considerada, até porque é a que tem maior alcance em nosso país.

Todavia, é uma boa ideia cotar outras transportadoras também. Assim, você poderá encontrar as melhores opções em relação a custo-benefício.

O melhor é que você não precisa fazer essa comparação manualmente, pois existem empresas, como Frenet e Melhor Envio, que realizam esse tipo de serviço. A depender da plataforma de e-commerce que você utilize, é possível, inclusive, integrar essas aplicações diretamente à sua loja virtual.

Ademais, apresente mais de uma opção ao cliente no momento da finalização da compra. Assim, ele pode optar se prefere pagar mais caro e receber o produto mais rápido, ou, então, se escolhe a opção mais barata.

2. Planeje com cuidado o frete grátis

O frete grátis é um enorme atrativo para os clientes na internet. No entanto, além de olhar para isso, você precisa saber que impacto esse benefício pode ter em seu caixa. Por isso, se for disponibilizá-lo aos consumidores, faça as contas do quanto esse custo representaria nos negócios. Até porque não adianta ter mais vendas se estiver tendo prejuízo com elas. 

Uma ideia é utilizar o frete grátis como uma estratégia para estimular o aumento do tíquete médio em seu e-commerce. Você pode oferecê-lo a clientes que gastarem acima de determinado valor nas compras e repassar parte desse custo para o preço dos produtos. Tome cuidado, apenas, para não torná-los muito mais caros, afastando o consumidor.

Além disso, outra alternativa é oferecer frete grátis em promoções e datas especiais, como a Black Friday. Dessa forma, você pode prever ações de divulgação em seu plano de marketing focando nesse benefício.

3. Disponibilize o rastreamento de pedidos

Uma forma de diminuir a desconfiança do cliente em relação a frete e prazo é dispor do rastreamento de pedidos. Isso significa que, na página em que o cliente vê os dados de sua compra, seja possível ver cada etapa da entrega que já foi cumprida.

Além disso, é fundamental ir atualizando essas informações e deixar sempre os prazos bem claros — inclusive se houver alguns dias para a confecção da peça antes do envio. Informe, tanto antes da finalização da compra quanto depois que o pedido for aprovado, que dia o produto deve chegar ao endereço do consumidor. Caso haja qualquer mudança, envie um e-mail ou mensagem ao cliente avisando.

Por fim, em relação ao rastreamento do pedido, caso você direcione a pessoa ao site da transportadora, certifique-se de que o link funciona e leva até a página referente ao pedido dela. Assim, você evita confusões.

4. Esteja preparado para a logística reversa

Quando falamos de frete, pensamos sempre no caminho da encomenda da loja para o endereço do cliente. Mas o que muitos empreendedores esquecem de considerar é o processo contrário, chamado de logística reversa.

Conforme determina o Código de Defesa do Consumidor, um cliente tem até sete dias a partir do recebimento da compra para desistir dela. Além disso, muitas lojas oferecem política de troca de 30 dias, o que envolve a devolução de produtos por parte dos consumidores.

Os próprios Correios possuem um serviço especializado de logística reversa. Nesse caso, os custos ficam a cargo do lojista. O importante é já saber que existe a possibilidade de o cliente precisar devolver um artigo. Nesse aspecto, estar preparado para isso só tende a melhorar a experiência de compra em seu e-commerce.

5. Permita a retirada de produtos

Além dos custos do frete, muitos consumidores ficam ansiosos com a demora para ter seu produto em mãos. Por isso, uma forma de resolver esse problema é permitir que eles retirem os artigos em algum local.

Esse ponto pode ser uma loja física, caso você também tenha uma, ou a portaria do seu prédio, caso você trabalhe de casa. Lembre-se, apenas, de deixar bem claro para o consumidor os dias e horários em que ele pode fazer isso e a partir de quando a encomenda dele estará disponível.

Essa opção, além de diminuir o prazo, costuma ter custos mais baixos. Em caso de não precisar enviar o produto para outro lugar, não há gastos. Já se você enviar para algum outro ponto, também pode fazer o transporte de encomendas de várias pessoas por vez, barateando o frete.

6. Tenha canais de atendimento abertos

Por fim, para lidar com seus clientes e todas as questões relacionadas a frete e prazo, é importante ter canais de atendimento pelos quais eles possam tirar dúvidas e solucionar problemas.

É importante informar os meios pelos quais os consumidores podem contatar sua equipe, além de deixar claros os horários de atendimento e prazos de resposta. Isso vai alinhar as expectativas de alguém que envie uma mensagem.

Você também tem a alternativa de deixar uma página de FAQ (Frequently Asked Questions, em inglês, ou página de perguntas frequentes). Ali, você esclarece dúvidas comuns a várias pessoas quando compram com você.

Atente-se também para a qualidade do atendimento. Busque sempre ouvir as perguntas e necessidades dos clientes, procurando ajudá-los sempre. Isso vai garantir uma experiência positiva nos pontos de contato dele com a marca.

Tudo certo?

Esperamos que, com as dicas deste artigo, você tenha mais ferramentas para fazer a gestão de frete e prazo em sua loja virtual. Afinal, não é porque esses aspectos são, frequentemente, uma dor no comércio virtual que você não pode estar preparado para lidar com eles.

Tenha em mente sempre a experiência dos seus compradores e, sem dúvidas, você conquistará cada vez mais clientes! Então, está pronto para olhar com carinho para a estratégia de envio de seus produtos?

 

Este texto foi escrito por Victoria Salemi é a editora responsável pelas parcerias de conteúdo da Nuvemshop, a maior plataforma de comércio digital da América Latina, com mais de 30 mil lojas ativas. Formada em Jornalismo, ama escrever e tornar assuntos complicados acessíveis a todos!

 

Conheça a Integração GestãoClick e Nuvemshop. O ERP para o seu E-commerce!
 
Deixe seu comentário

Comentário

Clientes satisfeitos

GestãoClick
Logo