Compras pela Internet Disparam na Pandemia


Pandemia 2020 e aumento de compras online!
Já era uma tendência em plena ascensão e com o advento da pandemia, causada pelo Coronavírus, as compras pela internet dispararam significativamente em 2020, tanto que muitos lojistas tiveram que se adaptar rapidamente à nova realidade.
 
A forma de comprar também mudou bastante, onde muitos consumidores, não acostumados com compras via web, passaram a adquirir seus produtos e serviços pela internet e já se sentem totalmente à vontade com isto. Este novo modo de comprar já mostra como será o novo consumidor de agora em diante.
 
A boa adesão dos usuários nas compras pela internet durante a pandemia, seja por uma necessidade ou pela facilidade, é um indicativo importante para os novos empreendedores e lojistas, principalmente para os que ainda não possuem um e-commerce ou loja virtual própria.
 
Neste post, vamos falar mais sobre este avanço das compras pela internet, suas repercussões, o que esperar para o fim do ano e 2021, dicas e muitas outras informações importantes. Acompanhe.

Mas antes --> Sua empresa já está na internet? 
Aprenda a bombar seu negócio!
 

Compras pela internet: estatísticas

 
Como já dissemos, o comércio eletrônico de um modo geral teve papel relevante neste período de distanciamento. Só para se ter uma ideia, em 2018, cerca de 40% dos consumidores haviam feito compras online, enquanto em 2020 esse número subiu monstruosamente para quase 80%.
 
E o mais notável é que o aumento de consumidores da classe C foi ainda mais relevante, indo dos quase 38% para aproximadamente 65%, considerando o mesmo período. As A e B, que já mantinham um percentual significativo de compras pela web, o aumento foi de cerca de 20%, indo de 62% para 83%.
 
Obviamente que o “carro chefe” que impulsionou todo este aumento foram os serviços de comida via delivery, inclusive supermercados e afins, tanto é que o número de entregadores na Grande São Paulo, principalmente os motoboys, teve um aumento 20%, segundo o Portal do Trânsito
 
Conclusivamente, não dá mais para desconsiderar este importante canal de vendas e consumo: a web. E como já mencionamos, o consumidor também mudou, com referência às suas exigências e opiniões de consumo. 
 

Compras online: roupas

Ainda falando sobre estatísticas, a pandemia causou alguns estragos, como uma crise sem precedentes na indústria têxtil brasileira e, porque não dizer, mundial. A saída, para algumas marcas, foi o delivery  e oferecer a compra online de roupas, e as que optaram por esta nova versão se deram muito bem, com certeza,.
 
Segundo um estudo realizado pela empresa de consultoria Conversion, houve um aumento relativamente grande (51%) das lojas on-line durante a pandemia, comparando-se com o período imediatamente anterior ao surto da Covid-19. A linha têxtil e roupas em geral, o acréscimo foi ainda maior, cerca de quase 96%.
 

Brasil: compras online disparam

Trazendo para nossa realidade social, que ainda é um tanto carente em recursos digitais, principalmente em questão de acessibilidade para classes mais baixas da sociedade, percebeu-se um disparo nas compras online no Brasil.

Um dos setores que teve um “up” significativo foi o de compras de supermercados. Os e-commerces e lojas virtuais presenciaram uma verdadeira corrida às compras via web. 
 
Isto posto, comerciantes e empreendedores que ainda não aderiram a ideia, correm o sério risco de ficarem para trás, uma vez que os consumidores brasileiros, das mais diferentes idades e classes sociais, já se acostumaram a comprar diretamente na internet os seus principais produtos e serviços de consumo.
 

Aumento de compras pela internet

 
Muito se fala do “novo normal”. Isto se mostrou presente no home office, no aumento de compras pela internet e em muitos outros segmentos do mercado. Então, mudou-se a forma de consumir, de trabalhar e de se relacionar, afinal, as lives via web de trabalho ou entre amigos também aumentou.
 
Mas o que esperar do futuro? Como será a Black Friday, as compras de natal e o ano de 2021? Previsões otimistas é que não faltam, mas, representativamente, as compras pela internet estarão em alta com certeza, pelo menos é esta a grande expectativa da maioria dos comerciantes e fabricantes em geral.
 
Daí percebe-se a importância não só de ter um e-commerce ou loja virtual para garantir esta fatia de vendas promissora, com um espaço na web de sua loja ou comércio, como também ter todos os recursos tecnológicos indispensáveis para viabilizar e otimizar a gestão do seu negócio.
 
Uma página web bem-feita, um sistema ERP para e-commerce que integre e melhore a gestão principalmente de micro e pequenas empresas, recursos de marketing e tecnológicos necessários para atender à esta nova forma de consumir, a este novo "normal“.
 

Pandemia 2020 e aumento de compras online

Pandemia 2020 e o aumento das compras online estão diretamente ligadas. A necessidade de comprar pela internet surgiu por conta do isolamento social que foi aplicado no período de pandemia. De certo que este período não terminou ainda, mas o que se espera do futuro é que estas compras online continuem em larga escala.
 
Naturalmente, haverá uma redução, pois muitos consumidores ainda estão na espera de poder fazer suas compras em um shopping center, por exemplo, e garantir o passeio com a família no final de semana. Existem hábitos que com certeza não irão mudar.
 
Por outro lado, uma porção bem grande de consumidores estão trocando o “passeio no shopping” pelas compras via web, recebendo seus produtos no conforto de seus lares. 
 

Como comprar pela internet com segurança?

 
Apesar da internet ser quase que um shopping center infinito para as compras, ela também tem alguns perigos que muitas vezes não são percebidos, principalmente pelos consumidores leigos ou mais novatos. Então, confira algumas dicas de como comprar pela internet com segurança:

• Escolha sempre sites confiáveis
• Verifique, na parte inferior da página, se o site é seguro ou não
• Verifique se o site escolhido disponibiliza canais de atendimento e se estes são válidos
• Verifique a reputação do site (uma boa dica é consultar o ReclameAqui)
• Desconfie de promoções com preços muito baixos, ou ofertas mirabolantes
• Jamais revele senhas ou números de cartão de crédito ou débito
 

Compras e Vendas pela internet

É preciso se preparar para esta nova realidade de consumo: a de compras e vendas pela internet. A melhor maneira de fazer isto é ter uma loja virtual associada à sua loja física. Se você é um novo empreendedor, pode começar seu negócio através dos vários e-commerces altamente lucrativos que existem no mercado.
 
Antes disso, garanta os recursos tecnológicos para a sua empresa, para controlar estoque, vendas, notas fiscais e muitos outros processos. Isto viabiliza a gestão e o controle da sua empresa, possibilitando ao empreendedor focar no que realmente importa: as vendas.

Saiba como vender mais pela internet!
 

ERP Integrado com e-commerce

Se estamos falando em tecnologia, os Softwares de Gestão Empresarial (os ERPs) são fundamentais para uma eficaz automação e otimização de processos de sua empresa. 
 
A grande dica é o ERP do GestãoClick, que possui os principais módulos operacionais que se integram perfeitamente com seu sistema e é perfeito para você começar sua loja virtual ou e-commerce com o pé direito. 

Aprofunde seu conhecimento --> ERP E-commerce: aproveite os Ganhos Dessa Integração!