ERP Online: um grande aliado do Marketing Digital


Integre o ERP Online com suas estratégias de marketing
Emissão de notas fiscais e boletos bancários, automação comercial, controle financeiro empresarial, gerenciamento de estoque, cadastro de produtos e clientes... É, um ERP Online tem funcionalidades imprescindíveis para a gestão do seu negócio, mas o que muitos gestores ainda desconhecem é a sua importância para estratégias de Marketing Digital.
 
Por isso, neste artigo vamos apresentar algumas maneiras de relacionar esse sistema com a sua estratégia e potencializar resultados. Não vai perder, né? Continue lendo!


O que é ERP Online, afinal?


Antes de tudo, é importante explicar um pouco mais sobre o que é ERP Online, cuja sigla equivale a “Enterprise Resource Planning”, ou Planejamento de Recursos Empresariais. 
 
O objetivo desse sistema é integrar os diferentes departamentos da empresa e centralizar os dados, de modo que fique mais fácil para o alto escalão do negócio controlar e gerenciar informações.


A Praticidade do ERP Online

O conhecimento dos dados de diferentes setores auxilia a tomada de decisões corretas, indo contra definições baseadas somente em achismos de empresários, gestores, diretores ou colaboradores.
 
Além disso, o sistema ERP Online contribui para o dia a dia da equipe, automatizando tarefas e otimizando o fluxo de trabalho. 
 
Relatórios que antes demoravam horas ou dias para serem feitos, por exemplo, são emitidos em segundos com o sistema ERP Online.
Para aprofundar seu conhecimento em ERP Significado, leia este conteúdo completo: O que é ERP.


Como relacionar ERP e Marketing Digital?


Agora, vamos ao que interessa: como relacionar o ERP e Marketing Digital? A seguir, apontamos as formas de usá-lo.
Gerenciar e aprimorar o relacionamento com os consumidores
 
Um dos objetivos do Marketing Digital é, justamente, atrair e encantar clientes. Para isso, entretanto, estratégias de Inbound Marketing e de Marketing de Conteúdo precisam da coleta e do gerenciamento de dados daqueles que se relacionam com a empresa — assim fica mais fácil guiá-los pela jornada de compra, mesmo que ainda não demonstrem interesse.
 
E onde o ERP de gestão empresarial entra nessa história? O sistema permite o controle detalhado de cadastros, o que permite:
 
• segmentar o público e criar campanhas personalizadas;
• trabalhar de acordo com o estágio de cada contato (compradores ativos, consumidores que não compram há meses etc.);
• criar ações para encantar clientes, como oferecer descontos em aniversários ou em outras datas especiais.

E tem mais: por meio do controle de atendimentos, é mais fácil identificar os principais problemas enfrentados por clientes e trabalhar para melhorá-los.

Acompanhar métricas e indicadores de desempenho

Quando se trata de estratégias de Marketing Digital para pequenas e médias empresas, as métricas e os KPIs (Key Performance Indicators, ou Indicadores-Chave de Desempenho) não podem ficar de fora. 
 
Afinal, um dos fatores que diferencia o Marketing Digital é a possibilidade de mensurar resultados com precisão e entender se as ações estão gerando o efeito esperado, não é?
 
Nesse caso, o ERP para pequenas empresas oferece Relatórios Gerenciais que podem ser usados estrategicamente de diferentes maneiras para analisar número de vendas em determinado período, hábitos de consumo, ROI (Retorno sobre Investimento), entre outros.

Otimizar processos para aumentar as vendas

Em muitas empresas os times de marketing e de vendas trabalham de forma alinhada a fim de gerar mais resultados. Mas de nada adianta o trabalho em conjunto se os demais processos empresariais apresentam muitas falhas, concorda?
 
Então, é preciso trabalhar com os detalhes que, a princípio, podem parecer insignificantes, como acompanhar orçamentos que não tiveram respostas — tarefa que pode ser realizada usando o ERP Online.
 
Além disso, o sistema ajuda a conferir a viabilidade de campanhas para gerar vendas. Vamos entender melhor esse último ponto no tópico a seguir?

Verificar a viabilidade de campanhas focadas em promoções

Realizar promoções espontaneamente só para aumentar as vendas, sem entender o que está sendo feito, pode gerar prejuízos (ao vender itens abaixo do custo de produção) ou complicações (ao divulgar produtos que já não constam no estoque).
 
Se há mercadorias em excesso no estoque, e que já estão paradas há algum tempo, é uma ótima ideia focar em ações de divulgação e em promoções! Mas, para isso, é importante contar com o ERP Online para fazer o correto controle de estoque e identificar quais mercadorias têm pouca saída e valem a pena ser vendidas por valores mais baixos.
 
E então, percebeu como relacionar o ERP e Marketing Digital? Há ainda mais recursos que podem ser úteis para unir esses dois elementos, frutos da transformação digital, em sua estratégia. 


COMENTE

Deixe o seu comentário nos campos abaixo: