5 modelos de negócios lucrativos em 2019


modelos de negócios lucrativos em 2019

Sabe quais são os modelos de negócios lucrativos que estarão em alta em 2019? Seja por meio de uma loja física ou do comércio eletrônico, é possível investir em um negócio de sucesso e faturar no ano que vem. No entanto, devido às burocracias relacionadas à abertura de empresa, é melhor já decidir em qual tipo de empresa você vai investir.

Se quer saber quais são os 5 modelos de negócios lucrativos, este texto é para você! Continue acompanhando para saber qual é a melhor maneira de começar a empreender em 2019!
 

1. Realidade virtual

 Experimentar a imersão em ambientes virtuais logo estará mais na pauta de negócios lucrativos do que imaginamos. Algumas novidades tecnológicas levam um tempo para chegar ao público em geral.

Muitas das vezes devido aos preços cobrados por óculos top de linha de realidade virtual e a necessidade de compatibilidade com o seu smartphone ou com um bom computador. No entanto, esses itens estão se popularizando.

A consultoria Digi-Capital constatou que em 2017 o segmento de realidade virtual (junto com o de realidade aumentada) movimentou 2 bilhões de dólares. Já de acordo com uma pesquisa feita em 2016 pela Goldman Sachs (empresa financeira multinacional), até 2025 esse setor movimentará 35 bilhões de dólares com possíveis usos na área militar, em videogames, em eventos ao vivo, na educação, entre outros.
 

2. Desenvolvimento de aplicativos

Você sabe quantos aplicativos já utilizou desde que iniciou o seu dia? Se perdeu as contas, já pode comprovar por conta própria que esse mercado só tem a lucrar no próximo ano.

Há aplicativos para quase todos os tipos de necessidades e muitas empresas estão se consolidando e já se consolidaram por meio deles, como o Uber, por exemplo. O aumento do número de smartphones e de pessoas conectadas à internet têm aumentado. Dessa forma isso beneficia ainda mais esse setor.

De acordo com uma pesquisa da App Annie, empresa especialista no mercado de aplicativos, em 2016 houve a movimentação de 1,3 trilhões de dólares nesse segmento. Além disso, há uma previsão de faturamento de 6,3 trilhões de dólares até 2020.
 

3. E-commerce

 Um dos negócios lucrativos que está em alta atualmente e continuará em alta em 2019. A empresa Ebit divulgou o 37° Webshoppers, um levantamento no qual foi constatado que só em 2017 o comércio eletrônico movimentou R$ 47,7 bilhões.

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), os quais apontam que em 2016 já havia 116 milhões de brasileiros conectados à internet — sendo o celular o principal aparelho usado para acessar o mundo virtual. Percebe o potencial disso?

Cada vez mais pessoas optam pela comodidade das compras online, seja de:
 

  • loja de roupas;
  • acessórios;
  • produtos fitness;
  • alimentação;
  • produtos para beleza etc.

 

4. Economia compartilhada

 Economia compartilhada: esses termos podem não soar muito familiares, não é? Mas, se utilizarmos o Uber e o Airbnb como exemplos, talvez você consiga entender melhor do que se trata.

Esse tipo de negócio inovador se sustenta por meio do compartilhamento de bens e serviços. Dessa forma se baseia no modelo de troca. O Airbnb, por exemplo, consiste em um serviço no qual é possível anunciar acomodações da sua própria casa para turistas ou reservar acomodações de terceiros em diferentes lugares.

De acordo com um estudo da consultoria pwc, esse setor movimentará cerca de 335 bilhões de dólares até 2025.
 

5. Impressão 3D

 A impressão 3D veio para ficar e para ser aperfeiçoada. Segundo dados da IDC, essa tecnologia movimentará cerca de 35,4 bilhões de dólares até 2020. O mercado apresenta oportunidades para fabricantes e para revendedores especializados. Confira algumas:
 

  • criação de itens médicos e hospitalares;
  • produção de maquetes para show room de imóveis;
  • criação de itens de festa personalizados;
  • produção e revenda de bijuterias;
  • produção de acessórios em geral etc.


Enfim, vimos neste artigo algumas tendências de negócios lucrativos para 2019. Lembre-se de criar um plano de negócio completo e analisar o mercado para se certificar sobre a viabilidade de sua ideia.

Está pensando em abrir um novo negócio? Comece com o pé direito com um software de gestão empresarial online e evite erros na hora de gerenciar a sua nova empresa. Conheça o GestãoClick testando grátis!
 



COMENTE

Deixe o seu comentário nos campos abaixo: