Sinais que a sua empresa precisa de um contador


precisa de um contador
Reflita por um instante se você já se pegou pensando nas questões: “Será que preciso de um contador?” ou “Quais são os sinais de que a minha empresa precisa de um contador?”

Se já, ótimo! É sinal de que você se preocupa com questões relevantes para o negócio, e nesse texto você encontrará o que procura. Se ainda não, esse artigo vai abordar tópicos que o orientarão em relação à necessidade de um contador.
Então, vamos à leitura!
 

Quando há pouco conhecimento sobre contabilidade

 
Considere as seguintes questões:
  • Você sabe fazer análise de custos? E balanços?
  • Quais são os seus conhecimentos sobre fluxo de caixa?
  • Há alguém na equipe especializado na contratação ou na dispensa de pessoal?
  • Entende qual é o melhor regime tributário para a sua empresa? E em relação aos tributos, sabe quais pagamentos devem ser feitos?
  • Conhece a terminologia da área de contabilidade? Se surgirem tópicos como “Demonstração de Mutações do Patrimônio Líquidos (DMPL)”, “Depreciação Acumulada” ou “Índice de Liquidez Imediata”, você saberá discutí-los?
O primeiro fator a ser honestamente questionado pelo gestor do negócio é em relação ao conhecimento sobre finanças, contabilidade e sistema tributário do país. Se você não tem o entendimento necessário, certamente se beneficiará com a ajuda de um contador.

 

Pagamentos de tributos exagerados

 
Enquanto aguardamos a tão esperada reforma tributária, enfrentamos um dos sistemas mais complexos do mundo.

Não ter a ajuda de um contador, não saber qual é o melhor regime tributário para o seu negócio (já ouviu falar no Simples Nacional?) e não contar com um planejamento tributário eficiente pode acabar resultando na falta de ajuste em relação ao pagamento de impostos corretos, de acordo com o tipo da empresa e com a atividade exercida.

A fim de cumprir a legislação fiscal e tributária, evitar pagamentos desnecessários de tributos e se manter em dia com a Receita Federal, é importante buscar a orientação de profissionais qualificados da área de contabilidade.

 

Quando há a expansão da empresa

 
Os desafios para manter um negócio com todos os processos, contas e obrigações em dia já são muitos quando se trata de uma pequena empresa. Agora, quando há a expansão dela, já deduzimos que os desafios aumentam, não é?
Considere:
  • contratação de novos colaboradores temporários ou fixos;
  • fechamento de contratos com novos fornecedores;
  • aumento do valor de impostos e das movimentações financeiras (fluxo de caixa);
  • alteração do regime tributário (caso a empresa exceda o limite do Simples Nacional, por exemplo);
  • abertura de filiais etc.
Como visto, há muitas questões a serem consideradas quando o negócio se expande, e o contador pode auxiliá-lo em relação a elas.

 

Estagnação financeira

 
Vender muito, observar o fluxo de clientes aumentar e, mesmo assim, sentir o aperto financeiro durante todo o mês. Se identifica? Há muitos fatores que contribuem para o “sumiço” do dinheiro — não saber o custo de produção e a margem de lucro ideal para precificar seus produtos pode ser um deles.

O contador poderá analisar o fluxo de caixa, identificar a raiz do problema, sugerir corte de custos (ou até mesmo de pessoal), auxiliar no cálculo correto para precificar mercadorias ou serviços, ou sugerir outras soluções.

 

Necessidade de enfrentar auditorias e fiscalizações constantes

 
A análise e a constatação de irregularidades podem gerar autuações para a empresa. Uma vez processada a infração, o negócio poderá ser penalizado e pagar multas com valores acima do esperado, o que acaba prejudicando as finanças e a quitação de contas importantes.

Algumas multas, aliás, podem ser aplicadas no ato de uma primeira fiscalização, caso se constate que os funcionários não estão devidamente registrados, por exemplo.

Como sabemos, há a necessidade de enfrentar auditorias e fiscalizações constantes para que se evite fraudes ou a falta de conformidade com a legislação fiscal e tributária, o que torna fundamental o cuidado com registros, demonstrações contábeis, pagamento de tributos e demais obrigações da empresa.

E então, entendeu o porquê de a sua empresa precisar de um contador? Ótimo!

Como sabemos, a otimização dos processos é a chave para a produtividade e lucratividade de qualquer negócio, por isso há ferramentas desenvolvidas unicamente para integrar o seu sistema de gestão com o sistema contábil do contador. Entenda as vantagens dessa integração agora mesmo!
 


COMENTE

Deixe o seu comentário nos campos abaixo: